Educação digital para todos os colaboradores da Sanofi R&D

"Muita ênfase foi colocada em gestão, liderança e orientação sobre como crescer em um universo matricial que requer uma grande capacidade de observação e influência."

Franck THIBAULT

Diretor de Desenvolvimento e Gestão de Mudança para P&D, Sanofi

Sanofi R&D

close

Educação digital para todos os colaboradores da Sanofi R&D

Setor

Saúde e meio ambiente

Desafio

Acelerar a inovação

Garantir bem-estar e engajamento

Tornar-se uma organização em aprendizagem

Como o principal grupo farmacêutico francês e com mais de 110 mil colaboradores e 112 usinas de produção, a Sanofi atua em um setor em que o desenvolvimento de competências é vital para continuar inovando. Isso é ainda mais crítico no caso do setor de Pesquisa & Desenvolvimento (R&D) da Sanofi, com 10 mil funcionários em mais de 20 escritórios no mundo.

Desenvolver um método colaborativo para as equipes de P&D, fomentar a inovação para melhorar o desempenho corporativo e permitir o desenvolvimento de vantagens competitivas significativas são grandes desafios para uma firma que considera a P&D como seu elemento principal.

“Estamos fortemente comprometidos em fornecer treinamento para os nossos colaboradores e, assim, desenvolver suas competências, mas às vezes é difícil garantir acesso a treinamento presencial em todas as temáticas e durante o ano inteiro para todo mundo. Com o ensino a distância, propomos uma primeira oferta a todos os colaboradores. Isso permite que eles conheçam alguns tópicos para que, em seguida, se inscrevam em treinamentos presenciais mais aprofundados”, explica Franck Thibault, Diretor de Desenvolvimento e Gestão de Mudança para P&D da Sanofi Mundial.

Treinamento de acesso livre com o apoio de planos de comunicação

O programa foi inicialmente destinado para um público bem menor (cerca de 300 gerentes de projeto e outros gestores), mas agora abrange os 10 mil colaboradores de P&D da Sanofi em todo o mundo. Os programas são primeiramente concebidos para desenvolver a colaboração, a inovação e o desempenho de gestão de projeto, que são fundamentais para a estratégia do grupo. “Muita ênfase foi colocada em gestão, liderança e orientação sobre como crescer em um universo matricial que requer uma grande capacidade de observação e influência. Diferentes temas estão disponíveis e a plataforma é evolutiva. Para o conteúdo, adotamos o catálogo da CrossKnowledge, que é bastante amplo. Quando necessário, retrabalhamos esse conteúdo de forma que se adeque às nossas atividades específicas”, explica Franck Thibault. O programa da CrossKnowledge funciona em paralelo com o plano de treinamento do grupo. Os colaboradores podem decidir entrar na plataforma e estudar sempre que quiserem. “O valor do programa está em sua flexibilidade”, diz Franck Thibault, “o treinamento está à disposição da equipe e não há nenhuma obrigação. Cabe a nós despertar a vontade deles com a comunicação de novos conteúdos”.

Promovendo o sentimento de pertencimento à mesma comunidade

Em uma organização de matriz global e com colaboradores de diferentes partes do mundo, é crucial despertar o sentimento de pertencimento referente a uma comunidade. “Queremos que as pessoas tenham o mesmo estado de espírito e compartilhem a mesma cultura”, explica Franck Thibault. “Sendo assim, todos os nossos colaboradores têm acesso ao mesmo material, independente de onde sejam.” Um dos módulos propostos, por exemplo, oferece uma introdução a fenômenos interculturais. Os cursos de e-learning fornecem as ideias principais aos alunos, que, em seguida, podem solicitar a participação em um treinamento presencial mais direcionado ou específico de um mercado. É aí que o blended learning toma forma.

Integrando um método colaborativo com treinamento

O treinamento a distância é um dos componentes da iniciativa denominada “Mieux Travailler Ensemble” (Trabalhando Melhor Juntos, tradução livre), em funcionamento desde 2011 no departamento de P&D. Mais do que um simples programa de treinamento, ele envolve uma variedade de iniciativas cujo objetivo é fomentar uma abordagem colaborativa. Tendo isso em mente, o programa com conteúdos da CrossKnowledge foi integrado no I Connect, a plataforma de troca de informações da Sanofi. “A integração com a nossa rede de comunicação foi essencial para nós”, diz Franck Thibault. “As pessoas não se confundem, pois sempre se encontram em uma área que lhes é familiar.” É um bom exemplo sobre como a inteligência coletiva pode ser integrada ao desenvolvimento de competências. “Nós já observamos um grande número de acessos e recebemos um retorno bastante positivo”, nota Franck Thibault. “As pessoas podem deixar comentários ou sugestões no I Connect.” As ferramentas de relatórios permitem ter conhecimento do número de acessos, o tempo gasto no treinamento e o nível de satisfação. Essa solução permitiu que o grupo Sanofi integrasse uma série de modalidades colaborativas e de treinamento para aprimorar o desenvolvimento de competências.

Dê mais um passo
para sua transformação

Contato
close