Schneider Electric, uma política de desenvolvimento de competências turbinada pelo ensino a distância

"A CrossKnowledge nos acompanhou na evolução do nosso capital intelectual e nos deu ideias sobre como despertar a vontade de aprender em nossos colaboradores."

Xavier D’ESQUERRE

Vice-Presidente Sênior de Soluções de Planejamento e Treinamento

Schneider Electric

close

Schneider Electric, uma política de desenvolvimento de competências turbinada pelo ensino a distância

Setor

Indústria

Desafio

Impulsionar sua cultura e transformação digital

Tendo a construção do conhecimento no centro do seu programa de treinamento, conhecido como “Connect”, a multinacional Schneider Electric mostra sua ambição de apoiar todas as suas equipes em direção ao sucesso. Em 2003, quando o mercado se tornava cada vez mais exigente, o maior especialista internacional em gestão de energia decidiu democratizar seu treinamento e recorreu ao e-learning para ajudar a enfrentar os grandes desafios do futuro. Usando um portal de treinamento disponível em diversas línguas, o grupo buscou resolver dois problemas com uma só solução: aprimorar o desempenho dos seus 100 mil funcionários e otimizar seus investimentos.

Com o crescimento dos negócios em mercados em transformação, o grupo Schneider Electric não se contentou com suas conquistas. A forma como seu programa Connect está sendo implantado desde 2012 ilustra perfeitamente essa situação. “O desenvolvimento de competências é uma das nossas maiores iniciativas. Nos próximos três anos, gostaríamos que nossos colaboradores adotassem uma posição proativa com relação ao treinamento e expressassem espontaneamente a vontade de avançar em suas carreiras e competências”, explica Xavier d’Esquerre, Vice-Presidente Sênior de Soluções de Planejamento e Treinamento. Para ajudar os funcionários ao longo do caminho, a Schneider Electric decidiu modernizar sua oferta de treinamento adquirindo uma nova plataforma LMS e recorreu à sua força de inteligência interna e a CrossKnowledge para fornecer o conteúdo de treinamento. “Queremos que nosso pessoal tenha acesso a um portal disponível em diversos idiomas e que ofereça uma variedade de conteúdo. O e-learning revelou ser a escolha óbvia para nós: é o método ideal de aprendizado no que diz respeito a alcance do pessoal em todo o mundo, alinhamento de competências e otimização dos custos voltados para treinamento”, diz Xavier. A multinacional, que atua em mais de 100 países, tem uma meta ambiciosa: “Queremos que cada colaborador siga no mínimo um dia de treinamento por ano”.

Treinamento para todos

Embora a Schneider Electric tenha pego a estrada do e-learning em 2004, foi somente em 2011 que sua oferta de treinamento deu um passo importante em termos de formatos e conteúdo. A digitalização permitiu que o grupo variasse seus formatos e diversificasse seu conteúdo, fornecendo uma nova dinâmica de treinamento. “Assim como está mais fácil porque alguns dos programas de treinamento são acessíveis em dispositivos móveis, aprender ficou muito mais divertido”, continua Xavier d’Esquerre.

Agora o treinamento é voltado para todos os colaboradores, sejam eles gestores ou não. É abordada uma ampla variedade de assuntos: competências transversais, gestão, qualidade, compras, liderança, cadeia de suprimentos, programas de escritório e conhecimento nos produtos, soluções e serviços da companhia. O treinamento também trata da ética, dos valores e da cultura do grupo, assim como de áreas em que a organização precisará de novas competências no futuro, especificamente em termos de softwares.

Gestores: elos fundamentais da corrente do sucesso

Para ajudar a Schneider Electric a desenvolver programas de treinamento de qualidade no formato blended, a CrossKnowledge estimulou seus gerentes de treinamento e designers instrucionais a seguir um programa de capacitação. “Cerca de quarenta pessoas fizeram um curso sobre melhores práticas em blended learning”, explica Xavier d’Esquerre.

Os gestores têm papel fundamental na comunicação com a equipe. Como não estão acostumados com o treinamento a distância, os colaboradores recebem as mensagens enviadas diretamente pelos gerentes. Essa iniciativa única se junta às recomendações de pacotes de treinamento personalizados que, por sua vez, são relevantes para as necessidades de progresso identificadas em análises de competência. Os relatórios operacionais e analíticos permitem que tanto os gerentes quanto os tutores gerenciem ativamente os programas de treinamento de seus alunos. “A CrossKnowledge nos acompanhou na evolução do nosso capital intelectual e nos deu ideias sobre como despertar a vontade de aprender em nossos colaboradores”, diz Xavier d’Esquerre. Essa mão amiga rendeu a CrossKnowledge o título de uma das melhores fornecedoras da Schneider Electric em 2011 e 2013.

Ao olhar para trás, a Schneider Electric pode fazer uma balanço positivo do que Xavier d’Esquerre gosta de chamar de “aventura do conhecimento digital”. “Desde o início de 2013, nosso portal de treinamento possui 40 mil usuários no mundo todo. Nosso objetivo agora é fazer com que 70% da nossa equipe administrativa faça o treinamento neste ano e adote uma posição autônoma em relação à aprendizagem. Também notamos que o treinamento on-line não é visto como uma amarra, mas nos mostra que fizemos as escolhas certas e isso nos motiva para o futuro”, conclui.

Dê mais um passo
para sua transformação

Contato
close